• Time Clínica Quiropraxia Equilíbrio

O que é escoliose? Posso tratar com Quiropraxia?

Atualizado: 29 de jul. de 2021

Descobriu que tem escoliose e ficou assustado? Calma. Isto é muito mais comum do que você imagina.

Antes de tudo, é importante lembrar que existem diversos graus de escoliose e formas de tratamento. E que na maioria destes casos a Quiropraxia é altamente recomendada pela sua eficiência.


Quanto antes for identificada e tratada a escoliose, melhores serão os resultados.


Preparamos um material bem interessante para tirar todas as suas dúvidas sobre esse problema de coluna e mostrar como a Quiropraxia terá um papel importante em recuperar a sua qualidade de vida com o tratamento.




Está bem. Mas o que é escoliose?


Escoliose é um desalinhamento lateral da coluna vertebral, quando vista de frente ou de costas, superior a 10 graus.


Ou seja, uma angulação maior que o normal, levando a um desalinhamento nos ombros, cintura ou pelve.


Traduzindo: é a curvatura anormal da coluna, criando uma forma parecida com a de um “S”.



Como o paciente acaba se curvando para tentar diminuir a dor, a escoliose pode acabar causando compensações e problemas em outras áreas do corpo.


Casos de escoliose são muito corriqueiros. Trata-se de uma doença que pode ir progredindo com o passar dos anos. Geralmente a escoliose se inicia durante o período de crescimento. Aquele período entre o final da infância e início da adolescência.


Porém, é muito comum que as queixas de dores só venham aparecer algum tempo depois, geralmente na fase de jovem-adulto.


E o que causa a escoliose?


Suas causas ainda são desconhecidas.


Ao contrário do que muito se imagina quando falamos de problemas de coluna, não parece estar diretamente ligada a questões de má postura. Cientificamente a escoliose afeta mais as mulheres e logo no início da puberdade. Algumas pessoas parecem ser mais suscetíveis a desenvolver escoliose e o histórico familiar deve sempre ser considerado.


Se a causa da escoliose é desconhecida, chamamos de escoliose idiopática. E pode se classificar em:

  • Escolioses funcionais: geralmente ocorre em adolescentes. Os desvios são leves e desaparecem com a flexão da coluna vertebral;

  • Escolioses estruturais: as diferenças dos membros inferiores levam a um desequilíbrio pélvico e, por consequência, uma curva vertebral para compensar o desequilíbrio corporal.

A causa da escoliose é identificada em um pequeno número de casos, como por exemplo, as condições neuromusculares que afetam os nervos e músculos, tais como:

  • Paralisia cerebral – uma condição que afeta o cérebro e os nervos e ocorre durante ou pouco depois do nascimento;

  • Distrofia muscular – uma doença genética que provoca fraqueza muscular;

  • Neurofibromatose – uma condição genética que causa o crescimento de tumores benignos ao longo de seus nervos.

A escoliose ainda pode ser congênita, onde há um desenvolvimento anormal dos ossos da coluna. Nestes casos raros, os bebês já podem nascer com escoliose.

E degenerativa, que como o nome bem diz, é causada pela deterioração gradual da coluna vertebral.


Sinto dores nas costas, como sei que é escoliose?


Falando de forma mais superficial, ter um ombro mais alto que o outro ou um desalinhamento do quadril é passível de suspeita de escoliose.


São necessários exames detalhados para se fechar o diagnóstico. Existe um exame clínico chamado “teste da escoliose”. Este teste consiste na pessoa, com as pernas afastadas na direção do quadril, se inclinar para frente, com as pernas totalmente esticadas, tentando tocar o chão. Desta forma, o médico identifica se há uma região mais alta que a outra.


Porém, somente exames de imagem irão melhor identificar a escoliose e principalmente o grau de inclinação. Isto é importantíssimo para determinar o tratamento que será seguido.


De todo modo, você pode ficar atento a sua postura e procurar um profissional quiropraxista para uma avaliação, caso venha a apresentar:

  • Mudança no alinhamento da coluna vertebral;

  • Dores nas costas;

  • Diferença na altura dos ombros;

  • Dores localizadas no peito e na coluna cervical e dorsal;

Quero tratar, mas morro de medo.


Durante a consulta com o profissional quiropraxista, será feita uma avaliação da situação através de um entendimento do caso, exames clínicos, de palpação e análise de exames de imagem.


A Quiropraxia é muito indicada em diversos casos. Como sempre falamos, cada caso será analisado individualmente. Existem situações em que serão necessárias outras terapias em conjunto, como RPG e Pilates, e casos mais graves, onde a cirurgia pode ser o indicado. Ter um profissional quiropraxista responsável e de confiança, é a certeza de estar nas mãos de alguém que saberá analisar o seu caso e identificar a melhor conduta a se seguir.


Quiropraxia como tratamento para escoliose.


Durante uma sessão de Quiropraxia, ou antes de iniciar um tratamento, a maioria dos pacientes têm dúvida se sentirão dor durante os ajustes de alinhamento. Como estão acostumados a sentirem dor na região normalmente, é muito compreensível que este medo exista.


Mas podem ficar tranquilos. O tratamento da escoliose através da Quiropraxia é indolor. Os relatos são justamente do contrário. Os pacientes sentem alívio durante as sessões. A região, por viver constantemente desalinhada, tem uma rigidez muscular muito forte e o tratamento quiroprático auxilia a aliviar essa tensão.


Como gostamos sempre de frisar, juntamente com as sessões, o comprometimento do paciente para além do consultório é fundamental para o sucesso do tratamento. O profissional quiroprático pode sugerir a procura de atividades complementares que auxiliem principalmente no fortalecimento muscular da região, para sustentar a área corrigida.


O tratamento quiroprático terá como objetivo diminuir os sintomas, buscar as causas da escoliose, tratá-las e evitar uma nova progressão da doença. Devido à escoliose é comum que a coluna esteja mais suscetível a subluxação, por isso é de extrema importância que sejam realizados os ajustes quiropráticos.


Se você está sofrendo com dores causadas pela escoliose, entre em contato. Marcaremos uma avaliação e veremos a melhor forma de recuperar o seu bem-estar e qualidade de vida através da Quiropraxia.

Referências


https://institutovivasp.com.br/tratamentos/escoliose/

https://saudedacolunavertebral.com.br/escoliose-como-a-quiropraxia-pode-ajudar-no-tratamento/

https://www.youtube.com/watch?v=S1JzA1we15I

https://quirovida.com.br/principais-problemas/escoliose/

46 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo