o espaço reconexão

A Quiropraxia foi desenvolvida por D.D. Palmer em 1895 nos Estados Unidos. Porém, apenas na década de 80, os primeiros brasileiros formados em quiropraxia no exterior chegaram ao Brasil. No ano 2000, duas faculdades abriram turmas para esse curso em nosso país.

O Cérebro é o órgão responsável por comandar todas as funções do corpo humano e a Medula Espinhal é a responsável por transmitir esse comando ao longo do corpo. A Medula é protegida pela coluna vertebral, que possui 33 vértebras sendo 24 delas móveis. 

 

A amplitude de movimento total do nosso corpo só é possível devido a combinação de pequenos movimentos vertebrais. Cada vértebra contribui com 0,3mm de movimentação, que combinados nos possibilitam fazer os movimentos amplos de tronco, como por exemplo: rotação, lateralização, flexão e extensão.

 

Por algum motivo, seja ele físico (traumas, torções, excesso de atividades físicas ou até mesmo a falta deles, mudanças de temperaturas, má postura, rotinas com movimentações repetitivas), psicológico (stress, depressão, ansiedade) ou químico (cigarro, bebidas alcoólicas e uso de drogas), as vértebras perdem a capacidade de se movimentar e ficam mal posicionadas.

Essa condição é chamada de Complexo de Subluxação Vertebral.

 

Quando ocorre o Complexo de Subluxação Vertebral, o comando que sai do cérebro e percorre a coluna sofre uma interferência, fazendo com que o corpo crie algumas adaptações, como por exemplo o aumento da tensão muscular. Esses músculos que estão tencionados de uma maneira incorreta se cansam muito mais rápido e esse cansaço gera dor, diminuição da qualidade do sono, enxaquecas, zumbido nos ouvidos e entre outras coisas.

 

O objetivo da Quiropraxia é remover esses Complexos de Subluxacões Vertebrais através de ajustes manuais principalmente na coluna e manipulações nas articulações, permitindo que o cérebro se comunique sem interferência com o restante do corpo, com o objetivo de diminuir a intensidade ou eliminar por completo as dores e fazer com que o corpo como um todo trabalhe em 100% de sua capacidade.

Porque as Vértebras param de se movimentar corretamente?

Os principais problemas que fazem com que as Vértebras parem de se movimentar corretamente são:

 

Mudança de temperatura, mau jeito, sedentarismo, excesso de exercícios físicos, estress, má-postura, ficar muito tempo sentado, má-alimentação, álcool, cigarro e entre outros.

Problemas que mais ocorrem no nosso dia-dia

Os principais problemas que as pessoas de todas as idades lidam todos os dias, são:

dores na coluna cervical, torácica ou lombar, dores de cabeça, quadril, pés, mãos, joelhos, hérnia de disco, enxaquecas, dores musculares, torcicolo, escoliose, disfunção temporo-mandibular, A.T.M, L.E.R., tendinite, artrose, artrite, bico de papagaio e entre outros.